Já pensou em adotar um ERP para o seu e-commerce?

Já pensou em adotar um ERP para o seu e-commerce?

Você sente que a operação da sua loja virtual pode ser otimizada, mas não consegue enxergar um meio de fazer isso? Saiba que essa constatação é comum. O fato de um comércio eletrônico ter muitas áreas e sistemas torna esse desejo um tanto complexo. Por isso, é fundamental que você conheça os benefícios do ERP para e-commerce.

Estamos falando de uma ferramenta que permite a integração de todas as áreas, inclusive com a plataforma da sua loja virtual, possibilitando a rápida geração de relatórios, tornando o seu negócio mais competitivo e ágil diante das necessidades do mercado.

Já pensou em adotar um ERP para o seu e-commerce? Continue a leitura e saiba tudo sobre essa solução tecnológica!

O que é ERP?

ERP é a sigla para Enterprise Resource Planning, um termo em inglês que significa sistema de gestão empresarial. Essa é uma ferramenta corporativa cujo objetivo é centralizar e permitir o melhor controle das informações de uma empresa. Para isso, ela integra e gerencia todos os dados, recursos e processos.

Uma loja virtual é composta por diversas áreas (cadastro de produtos, logística, faturamento de pedidos, gateway de pagamento, fornecedores, banco de imagens, recursos humanos, financeiro e outras). É uma empresa como qualquer outra.

Imagine o trabalho que é ter um sistema dedicado para o gerenciamento de cada uma delas. A plataforma dela já faz uma boa tarde desses trabalhos, mas e como fica a parte fiscal? E o pagamento dos tributos? A parte administrativa do negócio acaba sendo separada da plataforma.

É aí que o ERP vai atuar. Desse modo, ele consolida os processos das áreas citadas, inclusive aquelas que não têm as suas funções gerenciadas pela plataforma. Sendo assim, ele mantém as informações visíveis no mesmo painel, organizando a rotina do seu comércio eletrônico. Isso aumenta a sua competitividade de mercado.

Ele também oferece a você uma visão estratégica em relação aos dados produzidos pela loja, detalhando tudo o que acontece na operação, possibilitando a melhor distribuição dos recursos e a otimização dos processos.

Como funciona o ERP?

O ERP é feito de uma tecnologia modular, dispondo de um conjunto de ferramentas que atuam de forma integrada para que sejam processados corretamente os dados da sua loja online. Isso significa que você pode personalizar a sua ferramenta de ERP, escolhendo, por exemplo, os módulos que atendem as áreas que não são gerenciáveis pela plataforma.

Apesar dos módulos serem diferentes, eles estão interligados por uma espécie de espinha dorsal do sistema. Assim, o ERP consegue processar os dados de cada área e, ao mesmo tempo, interligá-los para que você tome as decisões necessárias. Dá para fazer o rápido cruzamento de informações, sem depender da ação específica de um funcionário. Isso permite o total controle do seu negócio.

De que forma o ERP se aplica no e-commerce?

O e-commerce de pequeno e médio porte que observa um crescimento na operação deve se preparar para o futuro com a ajuda de um software ERP. A evolução do negócio implica no consequente aumento em complexidade e volume dos dados produzidos.

Por esse motivo, o ERP é, sem dúvida alguma, a ferramenta de gerenciamento mais recomendável para a sua empresa. Definir a escolha desse sistema, entre as disponíveis no mercado, envolve a compreensão em torno das necessidades que a sua operação tem e possibilidade de integração com a plataforma.

Essa é uma das razões pela qual existe o planejamento estratégico do e-commerce. Desde o começo, o gestor deve escolher a plataforma que possibilita o crescimento da operação. Sendo assim, deve-se verificar a compatibilidade dela com as ferramentas de ERP. A partir daí, integra-se todas as áreas para que seja unificada a visão em relação ao negócio.

Quais são os benefícios do ERP para e-commerce?

Organiza os processos

Apesar das áreas da loja serem independentes, elas trocam informações constantemente — para manter a operação do negócio em pleno funcionamento. Quando as rotinas delas são colocadas em um único sistema, os processos passam a ganhar etapas bem definidas e uma lógica de organização consistente.

Facilita o treinamento dos funcionários

No e-commerce, assim como nas demais empresas, é fundamental que os processos estejam organizados. Desse modo, os funcionários compreendem as etapas com mais facilidade e passam a realizar um trabalho mais padronizado — que também facilita o treinamento de quem entra. Aquela história de cada um fazer do seu jeito deixa de existir.

Aumenta a produtividade

A economia de tempo é uma consequência natural dos dois benefícios do ERP para e-commerce que já foram citados. Os processos passam a ser feitos de uma forma mais uniforme, garantindo o cumprimento das etapas existentes. A equipe, então, passa a ser mais produtiva e consegue entregar melhores resultados em menor tempo.

Como o ERP integra com a plataforma de e-commerce, o produto que é cadastrado nesse sistema vai automaticamente para a loja virtual. O mesmo ocorre com os pedidos: quando alguém compra um dos seus produtos no e-commerce, o pedido também vai para o sistema ERP de forma automática, já efetuando a baixa no estoque e automatizando, assim, a emissão da nota fiscal.

A automatização desses processos aumenta, e muito, a produtividade do seu negócio, evitando excesso de trabalhos manuais e possíveis erros.

Reduz custos

Em vez de manter diversos sistemas que não estão integrados, pagando por cada um deles, o seu comércio eletrônico passa a contar com uma única solução: O ERP. Concentrar os gastos em uma única ferramenta permite a redução de custos.

Integra as informações da loja

Todos os dados que são produzidos pela operação da sua loja têm alguma utilidade e não podem ser simplesmente descartados. O cruzamento deles gera informações preciosas para o negócio. Por meio de um software ERP, as informações são geradas com mais rapidez e de forma integrada, bastando alguns cliques para obtê-las.

Controla com precisão o estoque

Toda vez que um cliente fizer uma compra no seu e-commerce, o pedido será enviado automaticamente para o sistema ERP. Com isso, a baixa no estoque acontece de forma automática, tornando mais preciso o controle de estoque.

Isso é primordial para evitar problemas com clientes, impedindo que eles efetuem pedidos de produtos que já não estão mais em estoque. Quando isso acontece, além de perder a venda, o consumidor ainda pode recorrer aos sites de reclamação — afetando a sua credibilidade e aumentando ainda mais o impacto negativo.

Outro detalhe super importante é que o controle de estoque representa parte do seu capital, portanto, requer uma gestão eficiente.

Permite uma eficiente gestão financeira

O ERP permite que você visualize o total de recursos financeiros que foram destinados para cada uma das atividades da loja. Isso possibilita uma eficiente gestão financeira, indicando quais áreas gastam mais e aquelas que precisam de investimentos. Dá para identificar também os processos no qual pode estar ocorrendo desperdícios.

Facilita a tomada de decisões

Todos os benefícios que citamos aqui facilitam a tomada de decisões, algo muito importante para o sucesso da sua loja online. Uma decisão bem embasada se desdobra em melhorias substanciais, portanto, é fundamental que você tenha acesso às informações do seu e-commerce de modo rápido, preciso e confiável.

Depois de conhecer todos os benefícios do ERP para e-commerce, aproveite para considerar a adoção dessa ferramenta em sua loja virtual.

A implantação e administração de uma loja virtual envolve muitas definições e estratégias. Nesse cenário, você pode contar com o apoio de profissionais especializados que auxiliam nesse processo. Entenda mais sobre consultoria em e-commerce para saber como ela pode ajudar em seu negócio.

Leave a reply

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>