Coloque-se no lugar do consumidor virtual. O que ocorre quando você entra em uma loja on-line e não compra o produto que foi visto? Muitas vezes, nada acontece. Em outras ocasiões, você é surpreendido pelo item visto em vários sites nos quais está navegando. O que parece uma perseguição é uma estratégia chamada de remarketing.

Essa ferramenta é muito eficaz na divulgação de um e-commerce, pois contribui com a maximização das vendas. Neste artigo, vamos explicar tudo sobre o seu funcionamento. Você vai saber como aumentar as taxas de conversão e todos os benefícios do remarketing para o seu negócio.

O que é remarketing?

Trata-se de uma ferramenta do Google Adwords que identifica os visitantes de uma loja virtual, direcionando para eles os anúncios dos produtos pesquisados ou até mesmo colocados no carrinho de compras — mas que, independentemente do motivo, não foram comprados. Seu objetivo é o de lembrar ao consumidor a existência desses itens.

Essa é uma estratégia que envolve links patrocinados, rendendo bons resultados para quem incorpora a ferramenta no dia a dia e planejamento de marketing do e-commerce.

A identificação acontece a partir de um cookie, arquivo no formato de texto que armazena temporariamente o que o visitante está visitando na rede. A ferramenta do Google Adwords lê as informações desse arquivo para, a partir disso, intensificar a aparição dos anúncios da sua loja nos sites que fazem parte da plataforma Adsense.

Quando um consumidor interage com um dos seus produtos na loja virtual, um cookie é gerado. Se ele apenas visualiza ou chega a colocar o item no carrinho de compras, essas ações são armazenadas no arquivo que o Google Adwords vai ler. Por isso, ao sair do seu ambiente, ele receberá alguns anúncios lembrando-o do produto.

Do ponto de vista do seu negócio, o remarketing é uma ferramenta perfeita para valorizar aqueles produtos que possuem alto valor agregado ou pouca saída. Essa é a maneira de chamar a atenção do consumidor de uma forma mais natural, afinal, o item será exibido no formato de anúncio.

Lembrar ao visitante sobre o produto que ele viu pode ajudá-lo a resolver uma dúvida, voltar a efetuar a compra ou programá-la para o futuro.

Como ele maximiza as vendas?

Para que o remarketing seja uma ferramenta eficiente e maximize suas vendas, você precisa fazer com que ele alcance o público-alvo da loja. Uma abordagem otimizada potencializa a conversão, portanto, é importante segmentar todos os visitantes do site. Esse processo de segmentação pode ser automático ou manual.

Personalize os anúncios para que a sua estratégia de remarketing seja relevante. Eles devem ter a mesma aparência que seu site, bem como uma chamada para ação bastante atraente. É preciso que eles se destaquem, para que despertem a atenção do visitante. Outro ponto importante é sobre o tamanho deles.

É fundamental que o tamanho, a aparência e o formato sejam responsivos, ou seja, se adaptem automaticamente ao espaço disponibilizado pelo Google Adsense — que pode ser banner, texto dinâmico, faixa lateral e outros. A ferramenta tem mais de 100 modelos de anúncios, possibilitando a rápida criação nas especificações da plataforma.

Como o pagamento do remarketing também é feito por impressão, ou seja, a quantidade de vezes que um visitante vê o seu anúncio, é possível limitar esse número. Se a sua estratégia é impactar o máximo de pessoas, o número de vezes que o mesmo visitante vê o anúncio pode ser reduzido. O mecanismo também pode ser pago por clique e conversão.

Para maximizar as vendas da sua loja on-line, você pode programar os anúncios para aqueles momentos em que eles estão mais propensos a visualizá-los. Determine os dias e os horários da semana em que os anúncios serão exibidos. Desse modo, você pode aproveitar as ocasiões mais favoráveis para a compra do produto.

E como você sabe, a internet é um meio muito dinâmico. Em poucos segundos, o visitante pode partir para outro assunto do interesse dele e esquecer rapidamente o que ele acabou de ver na sua loja. Por isso, é possível acelerar a exibição dos seus anúncios para assim que ele sair do seu e-commerce. Certeiro, não?

Por que aproveitá-lo no seu e-commerce?

Depois que o visitante demonstrou interesse pelo seu produto, o item passa a persegui-lo — um trabalho automatizado e com baixo custo. Para maximizar as vendas e a marca da sua loja, os anúncios podem ser feitos com imagens personalizadas. Desse modo, são maiores as chances de despertar a atenção do internauta.

Imagine que a sua loja venda camisetas. Um anúncio comum seria direcionado para o seu público-alvo apresentando alguns modelos, comunicando uma promoção e convidando-o para se cadastrar. Ao contrário disso, o remarketing vai direto ao ponto. Ele usa como exemplo um item que é do interesse do visitante.

Sendo assim, a comunicação será mais direta: “Lembra dessa camiseta? Compre agora, ganhe desconto ou parcele em 5x”. Isso ajuda o consumidor a tomar sua decisão, finalizando a compra. E para você isso significa um aumento na conversão — mesmo que ela não seja, necessariamente, a de vendas.

O interesse que o visitante demonstra pelo seu produto pode ser convertido em dados importantes, como o comportamento dele. Sendo assim, dá para oferecer outros produtos similares em ocasiões diferentes. Você pode convidá-lo para assinar sua newsletter e receber por e-mail todas as ofertas desejadas.

O remarketing ainda tem um menor custo por conversão, afinal, como as pessoas já estão familiarizadas com o produto do anúncio, elas ficam mais propensas a clicar. E quando elas clicam no anúncio e finalizam a compra, sua conversão em vendas aumenta e a estratégia se paga.

Outro benefício é que ele constitui uma excelente ferramenta de branding. Além de divulgar a marca do seu e-commerce para os potenciais clientes, isso reforça a sua presença digital como autoridade no segmento. Essa é uma vantagem competitiva, afinal, nem todos os seus concorrentes dispõem de ferramentas inteligentes como essa.

Agora que você já descobriu como utilizar o remarketing no e-commerce, saiba mais como potencializar o relacionamento com os seus clientes por meio da presença digital.

Categorias: Dicas

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: