E-commerce no Brasil: Números importantes que você deveria conhecer!

A Webshoppers / E-bit liberou no ano de 2016 o seu 33º relatório sobre as estatísticas do E-commerce no Brasil, tanto para 2015 quanto as previsões para 2016. Acompanhe os dados do E-commerce e seu crescimento apesar da crise.

Que o E-commerce está crescendo não é novidade para ninguém, mas além de ouvirmos que essa modalidade de comércio está em constante crescimento, dificilmente alguém apresenta números que realmente mostram o cenário atual.Idealize Tecnologia - Números importantes para o E-commerce que você deveria conhecer (7)Partindo disso, a Iniciativa da E-bit/Buscapé Company disponibiliza ao mercado o WebShoppers, um relatório semestral que, segundo eles, é “o relatório mais sólido e respeitado sobre o comércio eletrônico”.Ebook 10 coisas que você precisa saber antes de abrir sua loja virtualNesse relatório são analisadas as evoluções do e-commerce, as tendências, estimativas, as mudanças de comportamento e também as preferências dos e-consumidores, ilustrando qual a direção que o mercado atual está seguindo e auxiliando os comerciantes nas definições das estratégias para este mercado. Abaixo você irá encontrar alguns dos dados mais relevantes, coletados no 33º relatório da WebShoppers:

Comparativo de Dados

Conforme constatado nos anos anteriores, o comércio eletrônico em 2015 continua em crescimento e esses números representam hoje um acúmulo de +15% no valor do faturamento do setor! Além disso, outros números também chamaram atenção como o aumento do valor no ticket médio de R$ 347,00 para R$ 388,00 e os 106,5 milhões de pedidos realizados!Idealize Tecnologia - Números importantes para o E-commerce que você deveria conhecer (6)Faturamento e Previsão

Como ilustrado na imagem abaixo, o faturamento do comércio eletrônico não teve o maior crescimento dos últimos anos, no entanto se manteve em alta com uma arrecadação de mais de 41 bilhões de reais. Além disso, o cenário para 2016 também se mantém positivo, registando um novo aumento para 44,6 bilhões de reais, segundo as previsões da e-bit.

Se comparado ao varejo restrito (varejo total, menos vendas de combustível, automóveis e construção civil), que desde 2001 até 2015 obteve um crescimento de 127%, o E-commerce no mesmo período registrou incríveis 7.509%!Idealize Tecnologia - Números importantes para o E-commerce que você deveria conhecer (5)Vale lembrar que atual situação econômica do país não está colaborando em nada para o comércio em geral, mas mesmo diante desse quadro, o E-commerce segue com aumentos expressivos.Idealize Tecnologia - Números importantes para o E-commerce que você deveria conhecer (4)Dados Mobile

No que diz respeito as métricas dos dispositivos mobile (tablets e smartphones) o cenário só enfatiza uma realidade bem conhecida: a “era” do mobile é agora, e esse mercado cresce assustadoramente! E não é para menos, basta imaginar que as novas gerações fazem o seu primeiro contato com a internet, por meio de dispositivos móveis, grande parte por serem muito mais baratos do que computadores e notebooks, além de oferecerem conforto, podendo estar conectado de qualquer local.

A imagem abaixo deixa claro essa relação, sendo que 12% (cerca de 5 bilhões) das vendas online acontecem via esses dispositivos. Além disso, mais de um terço (35%) de todos os acessos às lojas virtuais, também correspondem ao uso de aparelhos mobiles.Idealize Tecnologia - Números importantes para o E-commerce que você deveria conhecer (3)Perfil do Consumidor

Não foram apenas os números de faturamento e o uso de dispositivos que mudaram, o perfil dos consumidores também vem se moldando ao longo dos anos, sendo que em 2015 vimos que a hegemonia de compra não pertence mais apenas ao sexo masculino. Segundo o relatório, tivemos no ano de 2015 uma participação de 50% para ambos os sexos na hora compra, sem falar que a grande maioria desses produtos foram comprados por pessoas com mais de 35 anos de idade!

Em questões de formas de pagamento, as pessoas ainda preferem pagar utilizando o cartão de crédito, que registrou 73,5% contra os 19,6% do boleto bancário nas transações. Esse fator está associado a opção de parcelamento, geralmente alavancada pela prática de não haver acréscimo no valor do produto parcelado.Idealize Tecnologia - Números importantes para o E-commerce que você deveria conhecer (2) Idealize Tecnologia - Números importantes para o E-commerce que você deveria conhecer (1)Na imagem acima, os dados correspondem ao percentual de distribuição de vendas por cada região do Brasil, mantendo São Paulo como pólo principal, seguido pelo Rio de Janeiro e Minas Gerais. Santa Catarina ocupa a 7º posição no ranking, com apenas 3,3% das vendas.

Enfim, os dados apresentados aqui foram todos coletados da 33º edição da Webshoppers/e-bit, correspondentes ao ano de 2015 e anteriores. Por ser um relatório semestral, ainda não está disponível o primeiro do ano de 2016, mas assim que for lançado voltaremos com novidades! Se quiser receber essas e outras novidades, não deixe de se inscrever no nosso site, no menu “fale conosco” ou clicando aqui.

Para conferir todos os números presentes do relatório da WebShoppers, visite a página: www.ebit.com.br/webshoppers

Uma opinião sobre “E-commerce no Brasil: Números importantes que você deveria conhecer!

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: